UFC Bélem está sendo desenhado com carinho!

Após o anuncio oficial e a definição da data para o maior acontecimento de MMA do mundo em Belém, a corrida de Dana White e seus produtores agora gira em torno do Card para o evento. As especulações começaram e as duvidas também, pois são muitos nomes e bons lutadores para compor este Mega acontecimento na cidade das Mangueiras. O local, todos já sabemos e desde a sua construção já se falava em UFC, pois as acomodações do “Mangueirinho” são de grandes proporções. O evento está marcado para fevereiro de 2018 e até lá muita água vai rolar, mas por aqui vou deixando meu pitaco de alguns nomes que poderão pintar, tanto no Card preliminar, quanto no principal e se bobear posso até arriscar o Main – Event; que acredito será uma grande luta para marcar a data. A alta cúpula do Ultimate disse que montará com muito carinho a promoção deste acontecimento. Eu já vou me adiantar, anotem aí…

O Cearense Godofredo Pepey é uma aposta certa. Recentemente Pepey encarou um desafio de Jiu-jítsu em seu estado sagrando se campeão e falando da vontade de lutar na nossa capital, deixando transparecer que já estava tudo certo. Paulo Borrachinha também está muito cotado para enfrentar Derek Brunson, algoz de Lyoto Machida. O lutador está com a credibilidade em alta na organização e arrancou elogios de Dana, após derrotar Jhony Hendricks por nocaute. Lyoto Machida, apesar de estar em suspensão medica de dois meses, também é nome forte pra lutar em casa e dar a volta por cima com a torcida e com o UFC, certamente levando a galera à loucura, assim como os lutadores da Marajó Brothers Iuri Alcântara e Deivyson Figueiredo, que deverão estar entre os principais junto com Michel Prazeres. O “Trator” atualmente acumula cinco vitórias seguidas pela franquia e certamente é um dos favoritos na categoria dos leves podendo pegar um dos Ranqueados como Evan Dunhan, com quatro vitorias seguidas e um empate técnico, o histórico do Americano está um pouco parecido com o do Paraense que tem uma marca melhor atualmente e pode entrar para a listagem dos 15 melhores da categoria se rolar esta luta. Ainda falando do pessoal da casa, André Lobato tem um bom Know – How e dispõe de boas marcas no MMA, podendo se credenciar para este evento histórico. Entre outros nomes que marcarão presença por aqui, Alex Cowboy e Ronaldo Jacaré, que estará retornando após derrota para Robert Whitaker pelos médios e uma cirurgia no peito, também são dados como certo; ouvi rumores de que Jacaré poderá estar fazendo o Co-Main Event podendo encarar Derek Brunson ou Chris Weidman, considerando que Manaus fica na região Norte, é uma boa luta de retorno e boas vendas. A luta sagrada, guardada as sete chaves por enquanto estaria cotada para José Aldo. Também Manauara e muito querido por aqui, se não substituir Frankie Edgard para o confronto contra Max Holloway, com certeza virá. Edson Barbosa, Poliana Botelho e Jessica Andrade serão aguardados por conta do patrocínio de uma marca de cosméticos que está nesta empreitada, só não garanto se lutarão. Entre os nomes cotados para o Card Preliminar, certamente os que estão fora da organização, mas reúnem excelentes condições de chegar para esta edição, minhas apostas ficarão por conta de Felipe Fróes, Márcio Henrique “Jacarézinho” e Nildo Catchau que são nomes bem fortes, acompanhados de Nilmar Sombra, Bruno Cro-Cop e Junior Suicida, sendo que apesar da pouca experiência no MMA, Rayanni Amanda poderia facilmente representar as mulheres Paraenses no octógono do Ultimate Fight Championship – Belém. Espero acertar este palpite, não por vaidade, mas gostaria de ver estes grandes guerreiros recebendo esta chance de ser reconhecido pelo seu talento em um espetáculo dessa magnitude. E vocês, gostariam de ver quem lutando pelo Card Preliminar aqui na nossa cidade???

Boa sorte aos nossos e que as oportunidades apareçam. Oss!

Comentários
Flavio de Jesus

Flavio de Jesus

Faixa Preta e Professor de Jiu-Jitsu. Formador de opinião. Ex praticante de Capoeira e amante das lutas. Pai de três, dedicado ao lar e as leituras. Esporte pode ser saúde, pode ser estilo de vida e pode ser tudo isso, depende do praticante.

%d blogueiros gostam disto: