Mundial de Wrestling têm Brasileira como favorita

Entre os dias 21 à 26 de agosto acontece na capital Francesa o Mundial de Wrestling com os maiores nomes do esporte; e a Confederação Brasileira da modalidade confirmou na última semana a presença de Laís Nunes. A Goiana chega como favorita e grande aposta para a conquista de sua primeira medalha no Mundial. Laís custeou sua despesa com treinamentos e passagens, estando bastante confiante no resultado positivo, uma vez que sua preparação com um técnico Cubano foi muito bem direcionado. Foram três meses de treinos focados e com o propósito de adicionar esta conquista, ainda inédita na sua carreira. A jovem Brasileira trás em seu currículo destaques como a medalha de ouro na Copa Brasil Internacional de 2015, e o Pan-Americano de 2016 na categoria até 63 kg, mesmo sem apoio. Laís Nunes, que luta por mais reconhecimento da modalidade, vem como uma das remanescentes da delegação Olímpica que disputaram os jogos do Rio de Janeiro e receberá da CBW a ajuda para as inscrições e hospedagem. Com 24 anos, Laís é a mais jovem lutadora a defender o país em Jogos Olímpicos e apesar das dificuldades encontradas, não pensa em desistir.

– Com certeza a falta de incentivo tem feito com que o Brasil perca muitos talentos em todos os esportes, principalmente nos que tem pouca tradição. Acho que o que tem sido feito, com o apoio das forças armadas aos atletas, e o bolsa atleta, já tem sido um grande incentivo ao esporte. Disse a jovem que almeja voos maiores dentro do esporte e ainda acredita que poderá encontrar ajuda para continuar competindo.

– Acredito que não existe uma fórmula. Existem os passos que todos os dias eu dou, faço o meu melhor com o que tenho, busco possibilidades que consigo. Estou acreditando que esses passos ao longo do caminho, vão me levar onde quero na minha categoria. Hoje a principal meta é entrar no ranking mundial e pegar uma medalha em Paris, finalizou.

Chefiada por Argel Torres Aldama, a delegação Brasileira viaja nos dias 18 e 19 para Paris e leva muito otimismo por parte dos atletas e comissão técnica, que sabe dos obstáculos que devem encontrar neste caminho, mas que estão preparados e motivados, principalmente pelo exemplo de Laís Nunes. Pra cima Brasil!!!

Comentários
Flavio de Jesus

Flavio de Jesus

Faixa Preta e Professor de Jiu-Jitsu. Formador de opinião. Ex praticante de Capoeira e amante das lutas. Pai de três, dedicado ao lar e as leituras. Esporte pode ser saúde, pode ser estilo de vida e pode ser tudo isso, depende do praticante.

%d blogueiros gostam disto: