Bruno Cro Cop aceita desafio na Rússia pelo cinturão

Bruno Lobato é mais um Brasileiro buscando o reconhecimento fora do país. O texto já é conhecido, mas é a mais pura realidade dentro do MMA na região Norte. Apesar de revelar bons nomes na modalidade como Michel Trator, irmãos Marajó, Henrique Frankstein e outros como Deiveson Figueiredo, o mercado das lutas Paraense anda em baixa com a falta de grandes eventos na região.

Bruno Leandro Soares Lobato ou Bruno “Cro Cop”será mais um dos que partem em busca do sonho de chegar no maior evento de lutas mistas do planeta. Bruno Lobato  atende por Cro – Cop em alusão ao lutador Croata e ex-policial Mirko Filipovic, um dos grandes nomes do K-1 e ídolo no Pride, fonte de inspiração para este grande Striker da Team Nogueira, que no mês passado tornou – se campeão do Major Fight no Rio Grande do Sul. O campeão peso leve agora parte para a Rússia, fechado com a M-1 Global, produtora sediada em Moscou, onde Bruno disputará o cinturão do M-1 Challenger TBA na categoria até 70kg. O evento acontece no dia 05 de dezembro e ainda não sabemos sobre o adversário. Mas o Paraense de 29 anos leva os números expressivos de 56 lutas, sendo que 48% de nocautes e 18% de finalizações e ótimas referencias a seu favor, principalmente em pé. Vindo de vitória e muito motivado, falou entrevista para o site do Globo Esporte sobre a expectativa de estar em um evento que poderá leva-lo ao UFC, seu sonho e sobre suas condições para esta luta:

– Estou numa das melhores fases da minha vida e acredito que esse evento na Rússia vai ser um obstáculo que preciso ultrapassar para chegar ao meu grande sonho, que é o UFC. Estou com adrenalina total e vou buscar essa vitória – disse o lutador de Marituba, região metropolitana de Belém – PA. Boa luta e esperamos por uma vitória, para que tenhamos mais um grande representante no Ultimate. Oss!

Comentários
Flavio de Jesus

Flavio de Jesus

Faixa Preta e Professor de Jiu-Jitsu. Formador de opinião. Ex praticante de Capoeira e amante das lutas. Pai de três, dedicado ao lar e as leituras. Esporte pode ser saúde, pode ser estilo de vida e pode ser tudo isso, depende do praticante.

%d blogueiros gostam disto: